Marca Maxmeio

Página inicial » Notícias
21 de dezembro de 2020

AMÉRICA EMPATA COM GALVEZ FORA DE CASA

Galvez e América-RN ficaram em igualdade no primeiro jogo das oitavas de final do Campeonato Brasileiro da Série D. Na tarde/noite deste domingo (20), na Arena Acreana, em Rio Branco (AC), as duas equipes empataram por 1 a 1. O time acreano saiu na frente com um gol do atacante Adriano, aos 12 minutos, com um chute rasteiro de fora da área. Aos 22, o América-RN ficou com um jogador a menos. O goleiro Vitor Paiva saiu da área para dominar uma bola, foi pressionado e perdeu a bola para Adriano e acabou derrubando o camisa 10 do Galvez. O camisa 1 foi expulso pelo árbitro Rodrigo Batista Raposo. Mesmo com um jogador a mais a vantagem dos donos da casa não mudou até o intervalo. O Galvez chegou a colocar uma bola no travessão com o atacante Daniego. Na segunda etapa, o América-RN se fechou e aproveitou falha do goleiro Miller, do Galvez, para igualar o marcador. O camisa 1 errou na saída de bola e deu ela no peito de Wallace Pernambucano dentro da área. O atacante só teve o trabalho de rolar para Felipe Guedes, que entrava na área e empatou, aos 26 minutos, fechando o placar.
 
PANORAMA
Com o empate no jogo de ida, quem vencer a partida de volta se classifica para as quartas de final. Em caso de novo empate, independente do placar, a decisão do classificado será nas cobranças de penalidades.
 
ADVERSÁRIO DAS QUARTAS DE FINAL
O rival da próxima fase vai depender da campanha das oito equipes que sobreviverem às oitavas de final.
 
JOGO DE VOLTA
As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo domingo (27), na Arena das Dunas, em Natal (RN). A partida será às 16h (de Brasília).
 
PRIMEIRO TEMPO
Os times iniciaram o jogo se estudando. Nos dois primeiros minutos um ataque para cada lado com finalizações, mas sem perigo para os goleiros. Aos 11, o Galvez chegou com perigo, mas Felipe finalizou fraco e Vitor Paiva defendeu. Na sequência, o América-RN perdeu a bola ainda no campo de defesa e Adriano, de fora da área, acertou um chute rasteiro para fazer 1 a 0 para o Imperador. Aos 15, por pouco o Galvez não marcou o segundo. Daniego recebeu no meia da defesa, invadiu a área e deu uma cavadinha por cima do goleiro, que saiu para abafar. A bola tocou no travessão e no chão, o Galvez pediu gol, mas a arbitragem mandou o jogo seguir. Aos 19, O goleiro Miller evitou o empate do Dragão. Rodrigo Andrade dominou a bola na área do Galvez após cruzamento e finalizou rasteiro para grande defesa do camisa 1. Três minutos depois o América-RN ficou com um jogador a menos. O goleiro Vitor Paiva saiu da área para dominar a bola, foi pressionado por Adriano, perdeu a bola e derrubou o camisa 10 do Galvez. O árbitro marcou falta e mostrou cartão vermelho para o goleiro. Com um jogador a mais, o Imperador passou a pressionar mais em busca do segundo gol, mas não teve eficiência para ampliar a vantagem, parando no goleiro Lucas Freitas, que entrou no lugar de Neguete após a expulsão de Vitor Paiva, e também na falha de pontaria dos jogadores. Assim, o 1 a 0 seguiu até o intervalo.
 
SEGUNDO TEMPO
Na etapa final os visitantes passaram a jogar um pouco mais fechados, esperando aproveitar alguma falha do Galvez. Na primeira chance dos donos da casa, aos nove minutos, Adriano recebeu na área e finalizou, mas a bola bateu na defesa. Aos poucos, o América-RN passou a se arriscar mais. Aos 12, Gustavo Xuxa arriscou chute de primeira da entrada da área, mas mandou pela linha de fundo. O Dragão foi ganhando confiança e campo e passou a ter mais presença no campo de ataque. Aos 18, Romarinho cobrou falta e Miller espalmou. Na sobra, a defesa do Galvez tirou o perigo. O Galvez não conseguia mais se impor e o América-RN tentava marcar forte para forçar o erro do rival. E a estratégia deu certo. Aos 26, o goleiro Miller errou na saída de bola dentro da área e deu a bola no peito de Wallace Pernambucano. O camisa 9 só teve o trabalho de rolar para trás e Felipe Guedes empatou: 1 a 1. O Galvez sentiu o golpe e não teve forças para reagir. O Imperador ainda teve uma boa chance com Digão, que arriscou de fora da área aos 37 minutos, mas parou no goleiro Lucas Freitas e garantiu o empate.
 
Por Globo Esporte
Foto Alexandre Martins/Agência AFC

BLOGS

FOTOS